08/01/2020 – A Plataforma CBIO entrou hoje (8/1) em ambiente de produção e considerará as notas fiscais emitidas a partir de 24/12/2019, para fins de geração de lastro dos CBios dos produtores de biocombustíveis certificados e detentores de contratos firmados com o SERPRO.

Para contratar o SERPRO, o produtor de biocombustíveis certificado deverá acessar este link.

Ressalte-se que, para contratar os serviços do SERPRO relativos ao acesso à Plataforma CBIO, é necessário que o produtor ou importador de biocombustíveis utilize o Certificado Digital de Pessoa Jurídica e esteja com certificado aprovado pela ANP.

Fonte: ANP

print