imprimir

11/07/2019 – “Um servidor público exemplar”, “uma referência de profissionalismo e ética”, “um gigante, não só no tamanho”. Estes são alguns dos adjetivos usados pelo setor de biocombustíveis para descrever o agora ex-coordenador-geral do Departamento de Biodiesel e Outros Biocombustíveis do Ministério de Minas e Energia (MME), Ricardo Gomide.

No final de junho, Gomide se despediu do MME para assumir o cargo de assessor técnico da liderança do Partido Novo na Câmara dos Deputados, onde vai continuar atuando na área de Minas e Energia.

Para o presidente da Ubrabio, Juan Diego Ferrés, além de ter se tornado um grande amigo, Gomide realizou um “trabalho brilhante” no departamento, em prol da evolução do programa de biodiesel no Brasil. “Gostaria de cumprimenta-lo pelo imprescindível trabalho a favor do país, desde os primórdios do programa de biodiesel em 2004. Certamente o legado que deixa não é só para o setor de biodiesel, mas para todos os brasileiros. Seu comprometimento é um exemplo de cidadania”, destaca Ferrés.

Transparência e diálogo também são características marcantes da atuação de Ricardo Gomide na pasta, segundo o diretor superintendente da Ubrabio, Donizete Tokarski. “É uma referência de profissionalismo, transparência e diálogo, características fundamentais no exercício de cargos públicos. Com certeza, ele foi um agente importante para que o Brasil estivesse hoje onde está na política de biocombustíveis, não só com o biodiesel, mas também com o RenovaBio”, pontua Tokarski.

Já o consultor técnico da Ubrabio, Donato Aranda, conta que, trabalhando como servidor público desde 1997, poucas vezes conheceu alguém que tenha honrado tanto o Estado brasileiro. “Um profissional muito qualificado, conhece os assuntos com profundidade ímpar dentro do MME. Além de tudo, um ser humano especial, um gigante! (não apenas por sua elevada estatura…rsrs). Sem o Gomide, tenho dúvidas se o programa de biodiesel teria a força que tem hoje. Sua contribuição ao setor é incalculável. Fará muita falta ao MME”.

“O Gomide atuou brilhantemente com o biodiesel no MME desde a concepção e implementação do PNPB, passando pelos primeiros passos da mistura autorizativa e toda a evolução alcançada”, completa o diretor executivo da Ubrabio, Sergio Beltrão. “Sua contribuição para o RenovaBio também foi muito expressiva. A migração do Poder Executivo para o Legislativo permitirá continuar emprestando à sociedade sua significativa capacidade no contexto energético nacional”, finaliza Beltrão.