imprimir

A alta-comissária das Nações Unidas para os Direitos Humanos, Michelle Bachelet, destacou na segunda-feira (25/02) os perigos de se ignorar a mudança climática, durante reunião do Conselho de Direitos Humanos.

“Como os interesses de um Estado podem se sobrepor a políticas que prejudicam o bem-estar de todos?”, questionou. “Esta é a verdade da mudança climática; vocês devem conhecer o ditado, ‘se você pensa que interesses econômicos são mais importantes do que o meio ambiente, tente contar seu dinheiro enquanto prende a respiração’”.

Bachelet também elogiou os jovens ativistas climáticos inspirados pela adolescente sueca Greta Thunberg.

A sueca de 16 anos chamou atenção recentemente ao viajar ao Fórum Econômico Mundial em Davos, na Suíça, onde pediu para tomadores de decisões adotarem ações mais rápidas para limitar emissões de dióxido de carbono e reduzir o aumento da temperatura global para 2°C acima de níveis pré-industriais.

“Nas semanas recentes, assisti crianças marchando por políticas climáticas e outras medidas”, disse Bachelet. “Como mãe, avó e simplesmente como humana, elas me inspiraram com feroz determinação a continuar nossa luta para manter seus direitos”.

Fonte: ONU Brasil