imprimir

BRUXELAS (Reuters) – A Comissão Europeia está disposta a aceitar um acordo com produtores de biodiesel da Argentina para encerrar uma longa disputa comercial sobre importações do produto pela Europa.

A Comissão, que supervisiona a política comercial dos 28 países-membros da União Europeia, disse nesta segunda-feira que comunicou a partes interessadas na semana passada que está pronta a aceitar uma promessa dos produtores de vender o biodiesel a um preço mínimo.

“Isso excluiria esses produtos de barreiras anti-subsídios que serão impostas pela Comissão Europeia, o que ao mesmo tempo voltaria a estabelecer um terreno justo para a competição com os produtores europeus”, disse um porta-voz da comissão por e-mail.

As partes interessadas têm até 18 de janeiro para comentar a proposta, enquanto há um prazo final de 28 de fevereiro para a imposição de barreiras anti-subsídios. Não ficou imediatamente claro qual seria o preço mínimo.

Fonte: Reuters