A iniciativa é considerada pela Ubrabio como uma proposta objetiva para tornar realidade a “Copa do Mundo Verde” no Brasil

A Ubrabio – União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene está defendendo também a implementação do B20 (mistura de 20% de biodiesel adicionado ao diesel fóssil) Metropolitano no transporte coletivo urbano das 12 cidades-sede da Copa do Mundo 2014.

A iniciativa é considerada pela entidade como uma proposta objetiva para tornar realidade a “Copa do Mundo Verde” no Brasil. O setor de biodiesel pretende posteriormente expandir a utilização do B20 no transporte urbano, de maneira gradativa, para outras capitais.

O B20 Metropolitano já é realidade em algumas cidades do Brasil. O exemplo de maior representatividade é o da cidade de São Paulo que utiliza essa mistura em 2.000 ônibus – informa a Ubrabio –, que transportam dois milhões de passageiros por dia.

O biodiesel gera diversos benefícios para a saúde humana, a qualidade de vida e o meio ambiente. Com o B20 toda a população é beneficiada, pois o biodiesel, além de ser isento de enxofre, reduz significativamente os demais poluentes emitidos pelo diesel fóssil, inclusive os cancerígenos.


print