Quem não gosta de batata frita ou um bife acebolado… Mas o que você faz com o óleo utilizado para preparar esses alimentos? Onde descarta? Para onde ele vai?

O óleo usado na cozinha quando descartado de forma errada é o principal responsável pela contaminação dos rios e mares – onde está mais de 97% da água do planeta. Assim, precisamos estar atentos para a importância e urgência de preservar esse patrimônio e de que forma cada um pode ajudar. Por isso, no dia 22 de março é celebrado o Dia Mundial da Água.

O descarte no ralo da pia aparenta ser inofensivo, mas causa grandes problemas que vão desde o entupimento do encanamento até a contaminação do solo, da vegetação e da água (ainda eleva o custo de tratamento). Ou seja, quem perde é o próprio ser humano.

Um país que produz mais de três bilhões de litros de óleos vegetais por ano precisa também de um projeto para dar uma destinação correta ao resíduo.

Reutilizar esse óleo para produzir biodiesel é uma forma eficaz de dar uso nobre para algo que hoje é um grande poluidor. Além de preservar esse bem tão importante que é a água, também diminuímos as emissões de gases de efeito estufa.

Cada litro de óleo utilizado na produção de biodiesel deixa de contaminar 20 mil litros de água e gera um litro de combustível renovável. Com medidas assim caminharemos para um Brasil e um mundo mais sustentável.

print