imprimir

A Boeing, multinacional norte-americana de desenvolvimento aeroespacial, está entre as empresas recentemente associadas à Ubrabio (União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene). A iniciativa se soma aos esforços para a estruturação de uma cadeia de valor para os biocombustíveis de aviação, integrando desde os produtores de matérias-primas, até o consumidor final.

Em junho, Ubrabio e Boeing promoveram, em parceria com a Embraer e a Rede Brasileira de Bioquerosene e Hidrocarbonetos Renováveis para Aviação (RBQAV), um seminário internacional, em São Paulo, para discutir as ações em curso no Brasil e os próximos passos para o segmento.

Na ocasião, a presidente da Boeing na América Latina, Donna Hrinak, destacou que o Brasil tem potencial para assumir a liderança nesse processo de desenvolvimento de um modelo econômica e ambientalmente sustentável para os biocombustíveis de aviação.