Encerrando os dois dias de debates da 5ª edição do Encontro de Pesquisa e Inovação da Embrapa Agroenergia (EnPI), ocorre a mesa redonda com o tema Biomassa para Bioenergia – visão do setor produtivo. O EnPI acontece nos dias 09 e 10 de outubro no auditório da Confederação Nacional da Agricultura (CNA) em Brasília.

Especialista que trabalham com etanol, biodiesel, bioquerosene de aviação e bioenergia dão uma visão do mercado dentro da temática da mesa. De acordo com o coordenador da mesa redonda e pesquisador da Embrapa, Bruno Laviola foram convidados representantes da iniciativa privada para dar uma visão do mercado e o que se espera da pesquisa. Compoem a mesa redonda Donizete Torkaski, Pedro Scorza, Jaime Finguerut, Alberto Stuchi e Ricardo Tomczyck e José Bressiani.

Donizete José Tokarski, diretor superintendente da União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene (UBRABIO) abrirá os debates na mesa. Sua palestra tem como tema a “Perspectiva para o Biodiesel no Brasil e no Mundo”. Graduado em engenharia com especialização em Atividade de Gestão Ambiental pela Oganização das Nações Unidas para a Alimentação e a Agricultura FAO/ONU, em Madri (Espanha) atua na UBRABIO desde sua formação em 2007.

A segunda palestra, “Perspectivas para Bioquerosene no Brasil”, será apresentada pelo assessor técnico de combustíveis renováveis da GOL, Pedro Scorza. Ele possui graduação em administração de empresa (análise de sistemas) pela Pontificada Universidade Católica do Rio Grande do Sul (PUCRS) e mestrado profissional em administração de empresas pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

O diretor do Instituto de Tecnologia Canavieira (ITC), Jaime Figuerut falará na sequencia sobre “Etanol 1G”. Formado em engenharia química pelo Instituto Maua de Tecnologia (IMT) e fez pós-graduação em engenharia bioquímica na USP. Ele é assessor tecnológico da presidência do Centro de Tecnologia Canavieira (CTC).

Na sequencia o diretor executivo de tecnologias e projetos na Raízen, Antonio Alberto Stuchi, falará sobre “Etanol 2G”, ele é. Formado pela Universidade Estadual de Campinas (UNICAMP) em engenharia química, com Mestre em Administração de Negócios (MBA) em gestão empresarial, Alberto tem mais de 30 anos de experiência no setor sucroenergético.

A penultima palestra será sobre etano de milho. Ricardo Tomczyk, presidente da União Nacional do Etanol de Milho (Unem), em Cuiabá, apresentará a palestra “Etanol de Milho Ganhando Participação no Mercado com o. Ele é. Advogado, empresário e produtor rural, membro fundador da Associação dos Produtores de Soja e Milho do Estado de Mato Grosso – Aprosoja/MT, exerceu o cargo de secretário de estado de desenvolvimento econômico de Mato Grosso de julho de 2016 a julho de 2017.

O diretor da Granbio, José Bressiani fala sobre “Biomassa residual e dedicada para a produção de bioenergia”. Ele é formado pela Escola Superior de Agricultura “Luiz de Queiroz” – USP. Ele atua em projetos de greenfield e por três anos foi líder de melhoramento genético de cana-de-açúcar na Monsanto.

Veja a programação completa. O evento, realizado pela Embrapa Agroenergia, tem apoio da CNA, Ceres, Denpasa, Ubrabio e o patrocínio da ABDI, da Gol Linhas Aéreas/Curcas, do Sinpaf e da FS Bioenergia.

SERVIÇO
Dias: 9 e 10 de outubro
Local: Sede da Confederação da Agricultura e Pecuária do Brasil (CNA)
Endereço: Setor de Grandes Áreas Norte 601 Modulo K – Asa Norte, Brasília
Horário: Terça-feira (8h15 – 17h30) / Quarta-feira (8h30 – 16h50)

Fonte: Cultivar

print