Representantes da Ubrabio (União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene) participaram nesta quarta-feira (16) do lançamento do World Energy Outlook 2015, publicação que apresenta um panorama do setor energético no mundo. O evento aconteceu no Ministério de Minas e Energia (MME), com representantes da Agência Internacional de Energia (Internacional Energy Agency – IEA), e destacou o segmento de fontes renováveis e emissão de CO2.

Para o diretor superintendente da Ubrabio, Donizete Tokarski, o biodiesel é um combustível importante para a transição energética com fontes renováveis. “Nós precisamos fazer uma transição energética para combustíveis mais eficientes e menos poluentes. O biodiesel é um exemplo disso”, defende.

Durante o encontro, o vice-diretor executivo da Agência, embaixador Paul Simons, destacou o papel do Brasil no encontro internacional sobre o clima (COP21) e sua contribuição no esforço pela redução de emissão de CO2. Simons defendeu a conciliação entre necessidades climáticas e energéticas como contribuição da IEA à COP21.

Paul Simons apresentou o World Energy Outlook 2015, que destaca projeções atualizadas da evolução do sistema energético global para 2040, com foco nas perspectivas dos combustíveis fósseis, das energias renováveis e da eficiência energética.

Já diretor do departamento de Energias Renováveis, Paolo Frankl apresentou o Relatório de Médio Prazo do Mercado de Energias Renováveis 2015, que detalha ações aplicadas e resultados obtidos relacionados à geração de energia limpa no mundo.

O secretário-executivo do MME, Luiz Eduardo Barata, destacou a parceria com a IEA que tem interesses alinhados com o Brasil e o espaço que as energias renováveis vêm ocupando nos debates e documentos da Agência.

Confira, abaixo, as apresentações realizadas no evento:

World Energy Outlook 2015

Medium-Term Renewable Energy Market Report 2015

Leia também:

Relatório atesta benefícios do aumento do uso de biodiesel

Ubrabio discute parametrização da contribuição dos biocombustíveis nas metas brasileiras para COP 21


print