imprimir

AUTORES; Lucas Miguel (FUP/UNB, lucassmigue@gmail.com), Lorena da Conceição Santos (FUP/UNB, lorenasantos@hotmail.com), Bruno Galvêas Laviola(Embrapa Agroenergia, bruno.laviola@embrapa.br), Alexandre Alonso Alves (Embrapa Agroenergia, alexandre.alonso@empraba.br), Tatiana Barbosa Rosado (FUP/UNB, tatianarosado@unb.br)

RESUMO: A macaúba é uma matéria-prima da biodiversidade brasileira que apresenta grande potencial como fonte alternativa na produção de biodiesel. Apesar das potencialidades do cultivo de macaúba, a espécie está atualmente em processo de domesticação (TEIXEIRA et al., 2014). Avaliações da precisão de seleção em genótipos potencialmente promissores com base em dados fenotípicos são fundamentais para identificação de materiais para futuro lançamento de cultivares melhoradas podendo fornecer informações e garantias do potencial de produção. Dessa forma, os objetivos deste trabalho foram: (i) avaliar características morfológicas em 15 famílias de meios-irmãos de macaúba, (ii) estimar parâmetros genéticos e, ainda, (iii) estimar a diversidade genética das progênies.

Trabalho apresentado no 6° Congresso da Rede Brasileira de Tecnologia de Biodiesel e 9º Congresso Brasileiro de Plantas Oleaginosas, Óleos, Gorduras e Biodiesel.

Trabalho completo: Livro 1, p. 137