imprimir

 As autoridades de Pequim poderão reduzir o número de veículos em circulação quando a cidade registrar níveis elevados de contaminação no ar, segundo um novo regulamento submetido no sábado(19) à opinião pública.

 

De acordo com o projeto de Regulamento Municipal de Controle da Contaminação no Ar de Pequim, a retirada de um certo número de automóveis das ruas da capital chinesa neste tipo de circunstância garantirá a proteção da saúde dos residentes.

O projeto, elaborado pelo governo da cidade e pela Assembleia Popular Municipal de Pequim, também faz referência aos preparativos de emergência, previsões, alertas e sistema de resposta para os períodos em que a contaminação do ar for mais grave.

De acordo com o projeto, o governo emitirá avisos de contaminação aérea e adotará as medidas de emergência como a suspensão da produção nas fábricas e a redução do número de veículos em circulação.

Recentemente, uma névoa densa envolveu Pequim durante sete dias, elevando significativamente os níveis de contaminação no ar. Embora a camada de névoa e a contaminação tenham começado a se dissipar na quarta-feira passada com a chegada de uma frente fria, a cidade voltou a experimentar condições semelhantes no sábado passado.