Confira a programação do Seminário de Desenvolvimento Sustentável e Descarbonização

24/08/2017 - 13:54

Na próxima semana, nos dias 29 e 30 de agosto, empresários, pesquisadores, representantes do poder público e da sociedade estarão reunidos em Belo Horizonte para discutir oportunidades de investimentos na cadeia produtiva de biocombustíveis de aviação, no Seminário de Desenvolvimento Sustentável e Descarbonização: oportunidades de negócios e investimentos na cadeia de valor do bioquerosene.

O evento é realizado pela Ubrabio, Fiemg e Agência de Promoção de Investimento e Comércio Exterior de Minas Gerais (INDI), com apoio d a Abear e do Governo do Estado de Minas Gerais, por meio da Secretaria de Estado de Desenvolvimento Econômico, Ciência, Tecnologia e Ensino Superior - SEDECTES, CODEMIG e CONFRAPAR.

Confira abaixo a programação preliminar e inscreva-se aqui.

29/08/2017 - Terça-feira

9h – Abertura: Objetivos vislumbrados para inserção do Brasil no segmento global de biocombustíveis sustentáveis. Visão de criação de oportunidades de negócios.

Aguinaldo Diniz (vice-presidente da Fiemg e presidente do Conselho de Política e Mercados Internacionais da Fiemg)

Donizete Tokarski (diretor superintendente da Ubrabio)

Governo do Estado de Minas Gerais e Governo Federal

9h15 – Cadeia Integrada de biocombustível de aviação em Minas Gerais

Marco Antonio Castello Branco (CODEMIG)

9h30 – Programa Brasileiro de Mitigação das Emissões de GEE e integração CORSIA/ICAO

Ana Paula Machado (SAC)

9h45 –

Douglas Martins (SIAMIG)

10h – Visão da indústria de Aviação Civil Brasileira: posicionada como consumidora final de combustível sustentável de aviação. Suas metas, expectativas de entregas e condições.

Rogério Benevides Carvalho (Abear)

10h15 – Como incentivar o uso de combustíveis sustentáveis 

Ana Carolina Avzaradel Szklo (Below50)

10h30 – Importância de consolidação de um documento para apresentação no ICAO

Pedro Scorza (GOL/Ubrabio)

11h – Intervalo/Coffee break

11h30 – 1° BLOCO: INICIATIVAS NO BRASIL

11h30 – Biocombustíveis sintéticos: Status do projeto, capacidade produtiva, tecnologia, desafios para produção em larga escala e visão de inclusão no RenovaBio.

Torsten Schwab (GIZ)

11h45 – RenewCo: Status dos projetos, capacidade produtiva, tecnologia, biomassa aplicada, desafios para produção distribuída e visão de inclusão no RenovaBio.

Fernando Contadini (RenewCo)

12h – Perguntas e respostas

12h30 – Almoço

14h – 2° BLOCO: PD&I, POLÍTICAS E REGULAÇÃO

14h – Projetos de PD&I voltados aos combustíveis renováveis apoiados pela Boeing, objetivos, integração da pesquisa com a produção em larga escala.

Onofre Andrade (Boeing)

14h15 – Implementação da RBQAV, escopo de trabalho e governança, linhas ou pilares de pesquisa, projetos vislumbrados. Nataly Albuquerque (UFPB)

14h30 – Projetos de PD&I voltados aos combustíveis renováveis desenvolvidos na UFMG, objetivos, integração da pesquisa com a produção em larga escala.

Vânya Passa (UFMG)

14h45 – Projetos de PD&I voltados aos combustíveis renováveis desenvolvidos na entidade, objetivos, integração da pesquisa com a produção em larga escala.

Gonçalo Pereira/ Carolina Grassi (CNPEN/CTBE)

15h – Projetos de PD&I voltados aos combustíveis renováveis desenvolvidos na entidade, objetivos, integração da pesquisa com a produção em larga escala.

Donato Alexandre Gomes Aranda (UFRJ/ProCAT)

15h15 – Papel do MCTIC e objetivos

Rafael Menezes (MCTIC)

15h30 – Status das diferentes tecnologias no pipeline de aprovação na ASTM, esforço, tecnologia nacional.

Marcelo Gonçalves (Embraer)

15h45 – Políticas do MME para biocombustíveis.

Ricardo Borges Gomide (MME)

16h – O papel da ANP e uso de bioquerosene no Brasil e no mundo: como a atuação da agência pode colaborar com o setor.

Aurélio Amaral (ANP)

16h30 – Fechamento com moderador: demandas da indústria para direcionar a pesquisa.

17h00 – Encerramento / Café de networking

30/08/2017 - Quarta-feira

9h – 1° BLOCO: BIOMASSA

9h10 – Biomassas promissoras: oleaginosas e biomassa da biodiversidade brasileira; características de produção, biomas, projeções de crescimento e domesticação.

Alexandre Alonso (Embrapa Agroenergia)

9h25 – Açúcares: Características de produção, área, disponibilidade de biomassa, mercado, existente e projeções de crescimento. Parque instalado, possibilidade de retrofit, horizontes.

André Rocha (Fórum Nacional Sucroenergético)

9h40 – Lipídeos: Biomassas promissoras, metodologia de investimento em pesquisa e potencial de entrada em escala de produção comercial.

Donizete Tokarski (Ubrabio)

9h55 – OGR (Óleos e Gorduras Residuais)

Luiz Grilo (Residuall)

10h10 – Macaúba: Consórcio Macauba BR/Solea/Entaban. Experiência do agronegócio com plantio comercial de macaúba, projeção de implantação e oportunidades de investimento.

Felipe Morbi (Solea)

10h25 – Macaúba: Produção de macaúba pela agricultura familiar e extrativismo, desafios e estratégia de consorciamento. Recuperação e APP e Reservas Legais com PSA - Pagamento de Serviços ambientais.

Willian Ribeiro de Castro (Prefeitura de Juíz de Fora)

10h40 – Reflorestamento

Leandro Aranha (Geoflorestas Soluções Ambientais)

11h – Intervalo/Coffee break

11h25 – 2° BLOCO: REGULAÇÃO E LOGÍSTICA

11h25 – Funcionamento, critérios de avaliação de desempenho. Status atual, objetivos e metas de médio e longo prazo. Como a indústria do bioquerosene vai ser parte do Programa.

Ana Mandelli (Sindicom)

11h40 – Perfil de consumo de querosene no Brasil, projeções futuras do fóssil e do bioquerosene. Logística, estocagem.

Giovani Vitória Machado (EPE)

12h – Intervalo de almoço

13h50 – 3° BLOCO: LINHAS DE FINANCIAMENTO

13h50 – Fundo Aerotec

Rodrigo Esteves (CONFRAPAR)

14h15 – BNDES: Linhas de financiamento para bioquerosene, elegibilidade, enquadramento, economia verde, saneamento e descarbonização.

José Antonio Pereira de Souza (BNDES)

14h30 – BDMG: Linhas de financiamento para bioquerosene, elegibilidade, enquadramento, economia verde, saneamento e descarbonização.

Rubens José Amaral de Brito (BDMG)

14h45 – FINEP: Linhas de financiamento para pesquisa, elegibilidade, enquadramento, economia verde.

Andre Fernandes (FINEP)

15h – Acordos bilaterais, Fundo Clima e fundos específicos para o desenvolvimento de energia renovável. Plataforma para o Biofuturo.

Renato Godinho (MRE)

15h15 – Intervalo/Coffee break

15h30 – 4° BLOCO: SUSTENTABILIDADE

15h30 – Sistema de Certificação: Pacote de certificação RSB da cadeia integrada, analise de ciclo de vida, acesso a mercados internacionais. Vantagens além do ciclo de vida, SDGs e Book&Claim.

Áurea Nardelli (RSB)

15h45 – Ciclo de Vida do produto: Proposta de sistema de certificação de ciclo de vida para RenovaBio, base conceitual, metodologia e implementação do sistema.

Marilia Folegatti (Embrapa)

16h15 – Políticas Públicas: CORSIA, Planejamento brasileiro, Consolidação do documento ANAC/UBRABIO para II CAAF, no México. Envio antecipado de contribuições para elaboração de um documento base, a ser referendado pelo plenário. Moderador monta ciclo de perguntas.

16h35 – Políticas Públicas: Aprovação da Carta de Minas pela Comissão ANAC/SAC/UBRABIO/MME/MMA.

Serviço:

SEMINÁRIO DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL E DESCARBONIZAÇÃO: OPORTUNIDADES DE NEGÓCIOS E INVESTIMENTOS NA CADEIA DE VALOR DO BIOQUEROSENE

Quando: 29 e 30 de agosto de 2017

8h30 – Credenciamento

9h às 17h - Seminário

Onde: Sede da FIEMG – Av. do Contorno, 4.456, 4° andar – Funcionários – Belo Horizonte-MG

Inscrições clique aqui


Por Ubrabio

União Brasileira do Biodiesel e Bioquerosene - Ubrabio - Todos os direitos reservados

SCN Quadra 01 Bloco C - nº 85 - Sala 304, Edifício Brasília Trade Center - Brasília/DF

CEP.70711-902 - Telefone (61) 2104-4411 - E-mail: faleconosco@ubrabio.com.br

  • Agência Nacional do Petróleo, Gás Natural e Biocombustíveis
  • Embrapa
  • Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento
  • Ministério de Minas e Energia
  • Casa Civil
Redes sociais
  • Facebook
  • Flickr
  • Linkedin
  • Twitter
  • YouTube
Moringa Digital Clique e conheça